16 de janeiro de 2012

Eu não acredito no por acaso. Acredito que sempre há um motivo, pra tudo. É que a vida é assim, ontem uma porta se fechou, hoje, uma janela se abriu. Isso acontece também, no que diz respeito ao coração. As vezes, estamos tão fechados dentro de nós mesmos, que deixamos passar certas coisas. Mas elas sabem a hora certa de se mostrar. E se mostram da maneira mais bonita. Sempre há alguém que nos faz rir. Mesmo diante das circunstâncias, aparentemente, sem saída, sempre há uma. Talvez, só precisemos de alguém que nos mostre isso, segure na nossa mão e diga: “Isso passa, eu estou aqui com você.” E nos dê o colo, de que tanto precisamos. Aghata Paredes

3 comentários:

  1. obrigada , tb vou seguir seu blog :)

    ResponderExcluir
  2. Adorei! Eu também acredito que nada acontece por acaso.
    Já me fechei demasiado sobre mim por causa de uma desilusão. E neste momento preciso de alguém que me dê a mão, que me mostre que vale a pena, que não preciso de ter receio...

    ResponderExcluir

❝Sabe, serei seu lar se quiser. Sem pressa, do jeito que tem ser."


Seu comentário é sempre bem vindo!
Comente, opine, se expresse! Este espaço é seu!

Obrigada!